Polícia Civil localiza ex-presidiário autor de vários roubos na Zona de Expansão de Aracaju

Policiais civis do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), com o apoio da Divisão de Inteligência (Dipol) e do Instituto de Identificação, fizeram, na noite dessa quinta-feira (7), uma abordagem para o cumprimento do mandado de prisão preventiva de Edvaldo Marques Júnior, 40, na Rodovia dos Náufragos, em Aracaju. Ele, que era ex-presidiário, estava sendo investigado pela prática de diversos roubos nas praias da Zona de Expansão.

De acordo com as investigações, Edvaldo estava sendo investigado por praticar diversos roubos nas praias da Aruana, Robalo, Mosqueiro e Viral. O investigado levava mantimentos para casebres abandonados da região, ficando dias escondido, e saía somente para cometer os delitos. De posse de uma arma de fogo, ele se aproximava das vítimas na faixa de areia, agredindo e subtraindo pertences, principalmente aparelhos celulares.

Os investigadores estimam que há cerca de 50 vítimas das investidas criminosas praticadas por Edvaldo. Ele já havia sido preso por diversas vezes em decorrência da prática de crimes de roubo, inclusive arrastões em pontos de ônibus da região. No ano passado, ele chegou a ser preso em flagrante, na Praia de Aruana, após roubar uma mulher.

Ainda conforme as investigações, em alguns casos, o investigado chegou a mostrar sua genitália e exigiu que as vítimas o tocassem. Já em outra oportunidade, chegou a agredir com coronhadas uma idosa que se negou a entregar o aparelho celular. As diligências continuam com o objetivo de identificar os receptadores dos aparelhos celulares subtraídos e, consequentemente, devolvê-los às vítimas.

Na ação policial deflagrada na noite dessa quinta-feira, Edvaldo Marques Júnior entrou em confronto com as equipes policiais, foi atingido, socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *