Corpo de Bombeiros conclui perícia do incêndio no Hospital Nestor Piva

O Corpo de Bombeiros Militar de Sergipe (CBMSE) concluiu a perícia do incêndio no Hospital Municipal Zona Norte Doutor Nestor Piva, em Aracaju, que aconteceu no dia 28 de maio deste ano. O relatório feito pelos peritos da corporação indicou que o incêndio teve como causa fenômeno termoelétrico (aquecimento) do aparelho de ar-condicionado, instalado na sala de prescrição médica.

Os trabalhos de perícia foram iniciados ainda no dia do incêndio, visando registrar com fidelidade o máximo de dados possíveis no local, e concluídos nesta terça-feira (27), com o relatório. Segundo relatos dos funcionários do hospital, o incêndio foi identificado por volta das 6h40, quando o Corpo de Bombeiros foi acionado. Quatro locais foram afetados: sala de prescrição médica, posto de enfermagem, expurgo e enfermaria.

Para a identificação da área de origem do incêndio, a sala de prescrição médica, foram realizados diversos procedimentos pelos peritos, como análise da propagação das chamas, dos materiais e áreas atingidas, inspeção das instalações elétricas, registros fotográficos e coleta de informações com pessoas.

Segundo o documento, vestígios apontaram que o foco inicial foi o ar-condicionado: intensa destruição do aparelho, intensa dilatação do reboco das paredes próximas, alto grau de destruição dos materiais combustíveis próximos, diminuindo a intensidade nos pontos mais distantes.

O relatório concluiu que ficou explícita a causa do incêndio a partir da definição do foco inicial, da zona de origem, da dinâmica do surgimento, desenvolvimento e extinção do incêndio, das marcas e vestígios identificados e da exclusão de todas as outras hipóteses causadoras do incêndio.

Ascom/CBM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *