Jair Bolsonaro ameaçou nesta quinta cancelar as eleições presidenciais de 2022

Nesta quinta-feira (08), em conversas com apoiadores na porta do Palácio do Alvorada, o presidente Jair Bolsonaro voltou a fazer acusações sem provas sobre as urnas eletrônicas e a defender o voto impresso. “Eleições no ano que vem serão limpas. Ou fazemos eleições limpas no Brasil ou não temos eleições”, afirmou.

 

Nesta semana, em entrevista à radio Guaína, Bolsonaro afirmou, também sem provas, que Aécio Neves teria vencido as eleições presidenciais de 2014, e não a ex-presidenta Dilma Rousseff.

 

Essas constantes afirmações de Bolsonaro sobre as eleições no Brasil se intensificam no momento em que todas as pesquisas recentes apontam o favoritismo do ex-presidente Lula (PT).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *