Carnaval sem muita folia

Coluna Rita Oliveira – 12 fevereiro

 

Se não fosse a pandemia da Covid-19 o carnaval 2021 estaria começando nesta sexta-feira, 12. Mas apesar de não ter a festa de momo em todo o país visando impedir a disseminação do vírus, com blocos e desfile de escolas de samba, já é carnaval.

Amigos e familiares estarão, a partir desta sexta, em suas residências ou casas de praia, sítios e resorts comemorando a folia de forma restrita. Assistindo, na farra, lives ou ouvindo músicas de axé, já que é proibido qualquer evento carnavalesco para evitar aglomeração.

Os poderes Legislativo e Judiciário, o Tribunal de Contas do Estado, o Ministério Público Federal, entre outros órgãos federais, mantiveram o ponto facultativo. Não haverá aulas nas escolas particulares nem expediente bancário. O comércio também estará fechado.

Somente o servidor público estadual vai ter de trabalhar por conta de decreto governamental suspendendo o ponto facultativo e o feriado nos dias 15, 16 e 17 de fevereiro. Assim como servidores de vários municípios, que acompanharam decisão do governo Belivaldo Chagas, mediante resolução do Comitê Técnico-Científico.

Com o feriadão do carnaval 2021, cabe agora a consciência de cada um para manter as recomendações preventivas da vigilância sanitária. O vírus está ai, é invisível e mortal.  Não faltará fiscalização para impor essa consciência.

Em Sergipe, até esta quinta-feira, 143.400 pessoas já testaram positivo para a Covid-19 e 2.855 morreram.

Todo cuidado é pouco. As vacinas não imunizaram, sequer, 3% da população e mais de mil pessoas continuam morrendo diariamente no país vítima do novo coronavírus.

Normalmente a gente diz que o ano só começa depois do carnaval. Desta vez, só depois da vacinação em massa contra a Covid-19.

…………………………….

Pura ilusão

Até esta quinta-feira, 11, muitos servidores públicos estavam na expectativa do governador Belivaldo Chagas (PSD) revogar o decreto governamental que suspende o ponto facultativo para o funcionalismo no período alusivo ao carnaval. Isso em razão dos Poderes Judiciário e Legislativo terem mantido o feriado, assim como a decisão de fechamento do comércio, bancos e escolas.

Vai trabalhar 1

Diferente da Assembleia Legislativa, a Câmara Municipal de Aracaju (CMA) estará funcionando durante os dias de Carnaval.  Por maioria, os vereadores aprovaram proposta do presidente da Casa, Nitinho (PSD), para acompanharem decisão da Prefeitura de Aracaju e do Governo do Estado de não decretarem ponto facultativo visando evitar aglomerações e aumento de casos da Covid-19.

 

Vai trabalhar 2

Com isso, todos os setores da CMA funcionarão normalmente e ocorrerão sessões na próxima terça, quarta e quinta, a partir das 9h, como ocorrem normalmente.

 

Dando exemplo

Por conta da decretação da suspensão do ponto facultativo nas repartições públicas estaduais no período do carnaval, o deputado estadual Gilmar Carvalho (PSC) anunciou que abrirá mão dos seus salários nos dias 15,16 e 17. “Não me sinto bem em ficar em casa durante esse período, enquanto os servidores públicos estarão trabalhando”, enfatiza.

Tá certo

Dirigentes do Sindicato dos Lojistas de Sergipe (Sindlojas) ainda conversaram com a Federação dos Empregados no Comércio e Serviços de Sergipe (Fecomse) visando abertura do comércio no carnaval. Segundo o presidente da Fecomse, Ronildo Almeida, os comerciários só poderiam trabalhar no feriado do carnaval estabelecido pela convenção trabalhista de 2020 se fossem remunerados. “Trabalhar sem ganhar nada é justo? Não é justo dizer que o empregado tem de trabalhar por conta da crise. Isso é lorota de explorador”, avalia.

 

 É fato

Um deputado da base aliada do governador Belivaldo Chagas, e muito próximo, assegurou à coluna, nesta quinta, que o nome do agrupamento político para disputar o governo em 2022 é realmente o do deputado federal Fábio Mitidieri (PSD). Disse, inclusive, que o parlamentar já está trabalhando nessa direção ao conversar com lideranças políticas de Sergipe.

Licitação

Os prefeitos Edvaldo Nogueira (PDT-Aracaju) e Padre Inaldo (PP-Nossa Senhora do Socorro) discutiram nesta quinta a licitação do transporte público e a obra da avenida Perimetral Oeste, que começará ainda este ano e, pronta, irá desafogar o trânsito da Av. Euclides Figueiredo. No início de março ocorrerá uma reunião dos quatro prefeitos da grande Aracaju para tratar da efetivação do consórcio metropolitano.

Visita

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Luciano Bispo (MDB), fez nesta quinta pela manhã uma visita de cortesia ao novo presidente do Tribunal de Justiça de Sergipe, desembargador Edson Ulisses Melo. Estava acompanhado do deputado Zezinho Sobral (Pode), do diretor-geral Roberto Bispo, o diretor de Comunicação da Alese, Irineu Fontes e do secretário da Mesa Diretora, Igor Albuquerque.

Ponto de vista

Do senador Alessandro Vieira (Cidadania): “A fala do ministro Pazuello (saúde) ao Senado pode ser resumida, em grande parte, a mentiras sobre o passado e promessas fantasiosas sobre o futuro. Impressionante a falta absoluta de uma política pública de saúde desenhada com técnica e eficiência”.

 

No Senado

A senadora Kátia Abreu (PP-TO) sugeriu que o Senado, por meio do Interlegis, oferte cursos a distância, do fundamental ao superior, para a formação dos vereadores de todo o país. Ela recebeu apoio do presidente da Casa, Rodrigo Pacheco, que elogiou a ideia. A parlamentar defendeu a qualificação dos agentes públicos brasileiros para que possam atuar de forma cada vez mais competente e especializada na representação da sociedade.

Na Câmara

A Câmara aprovou nesta quinta um projeto de lei que transforma em crime o ato de furar fila para ser vacinado. A proposta cria um novo tipo de crime, chamado de “infração a plano de imunização”, atualmente não previsto no Código Penal. Além do fura-fila, a proposta criminaliza qualquer afronta à operacionalização de planos de imunização federais, estaduais, distritais ou municipais. O texto segue para a análise do Senado.

Pazuello no Senado 1

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, declarou ao Senado nesta quinta-feira que o governo federal acumula testes para covid-19 não usados porque não houve demanda dos estados por eles. A declaração foi dada ao responder a senadores que perguntaram sobre a existência de testes para covid-19 ainda em armazenamento que correm o risco de perderem o seu prazo de validade. Até o início deste ano, eram cerca de 5 milhões de unidades que não haviam sido distribuídas pelo Ministério da Saúde.

Pazuello no Senado 2

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) lembrou que o Ministério da Saúde manteve no ar uma plataforma virtual — TrateCov — destinada a médicos que recomendava tratamentos com esses remédios. Destacou que, além de ineficazes, eles podem ter consequências negativas para os pacientes.  Pazuello afirmou que o ministério nunca recomendou remédios específicos, e que as referências ao “tratamento precoce” eram recomendações para que os cidadãos não esperassem a piora dos sintomas antes de irem a um hospital.

 

Pazuello no Senado 3

Já o senador Rógerio Carvalho (PT) aproveitou a presença do ministro da Saúde no Senado para dizer que o presidente Jair Bolsonaro foi “o principal agente propagador” da doença, e agora o país colhe o que o chefe do Executivo semeou. “Ele banalizou a doença, disse que era uma “gripezinha”. Estimulou aglomerações. Negou o uso de máscara como recurso para proteger quem não tinha a doença e evitar que quem a tinha fizesse a transmissão”, enumerou.

Veja essa…

Será curioso se algum juiz vier a conceder liminar à ações movidas pelas entidades patronais do comércio para que as lojas possam abrir normalmente no período alusivo ao carnaval.  Isso porque o Judiciário sergipano só volta a funcionar na quinta-feira, 18.

CURTAS

O ex-governador Jackson Barreto (MDB) passará o feriado de carnaval na sua casa de praia, na Atalaia Nova.

O ex-deputado federal André Moura (PSC) continua se movimentando visando as eleições 2022. Esteve nesta quinta em São Miguel do Aleixo com o prefeito Gilton Meneses, o vice Admilson de Preta e vereadores. Na oportunidade, assinou a ordem de serviço de construção do CRAS e visitou às obras.

O governador Belivaldo Chagas vai mesmo vender o Palácio de Veraneio, por não ter funcionalidade alguma´e permanecer fechado há muito tempo. Revela que o dinheiro irá para a previdência.

O Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE-SE) prorrogou a suspensão, em caráter excepcional, do atendimento presencial no âmbito da Justiça Eleitoral de Sergipe, no período compreendido entre 10 de fevereiro a 30 de abril de 2021.

Presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), promete volta das coligações proporcionais e flexibilização da cláusula de barreira.

O deputado federal Fábio Reis (MDB) é membro titular da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO) da Câmara e relator setorial da Agricultura. “Estar em Brasília é sempre momento de participar de decisões importantes. Ontem não foi diferente! Estive presente na CMO para participar da instalação da mesma e sai de lá como membro titular. Além disso, meu querido líder, Isnaldo Bulhões, me indicou para ser o relator setorial da Agricultura. Farei de tudo para honrar esse cargo, que trata de um tema tão importante para o nosso país!”, comemora o parlamentar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *