DEM vai para às eleições em Aracaju com chapa puro sangue

Na convenção municipal do DEM, realizada nesta terça-feira (15), foram homologadas as candidaturas da delegada Georlize Teles como candidata a prefeita de Aracaju e do coronel Péricles como candidato a vice. Com isso, o Democratas vai para as eleições majoritárias na capital com chapa puro sangue.

Após homologação do seu nome,  Georlize Teles fez um discurso enaltecendo as figuras de Maria do Carmo e João Alves e avisando que não entrou na disputa para fazer “figuração”. Para ela, perder ou ganhar faz parte do jogo. “Eu estou entrando para jogar, para participar da disputa, mostrando o nosso projeto para Aracaju”.

Ao participar do lançamento oficial das candidaturas do DEM, a senadora Maria do Carmo Alves (DEM) destacou que o projeto do Democratas, abraçado por Georlize e pelo coronel Péricles, contempla os anseios do povo de Aracaju e resgata o legado deixado pelo ex-governador João Alves.

“Estamos preparados para sair de casa em casa, conversando com os aracajuanos, lembrando a história do Democratas que, através de João (Alves) e dos seus integrantes, muito fez por Aracaju e por Sergipe em todos os campos, especialmente, no social”, afirmou a parlamentar, no final da tarde desta terça-feira, ao participar da convenção da sigla.

A importância do resgate da história, também, foi enfatizada pelo presidente do diretório estadual do DEM, José Carlos Machado. “João Alves é um homem visionário que, sem sombra de dúvida, muito fez por Sergipe e por Aracaju. Quem não se lembra do programa Pró-Mulher da senadora Maria do Carmo? Do desfavelamento de Aracaju?  O DEM sempre teve essa sensibilidade pelo social e Georlize, juntamente com o coronel Péricles, tem esse compromisso”, afirmou, ressaltando que a candidata dialogou muito no processo de construção da candidatura.

 “Fomos nós do Democratas que mais pregamos a unidade e o entendimento, mas nos impuseram condições que não podíamos aceitar porque nós temos uma história, um legado respeitado que precisa ser lembrado”, completou Machado. “Procuramos entendimento, mas não foi possível. Estamos no caminho certo e temos certeza que faremos bonito no processo”, afirmou.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *