Covid-19: 26 novos óbitos confirmados nesta sexta

Boletim epidemiológico do coronavírus divulgado nesta sexta-feira (31), pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), mostra 1.030 casos e 26 novos óbitos, sendo apenas um  hoje e 25 que estavam em investigação e foram confirmados.  Com isso, em Sergipe, 58.713 pessoas já testaram positivo para a COVID-19 e 1.434 morreram. Até o momento, 30.937 pacientes foram curados.
De Aracaju, são sete mortes, com cinco homens: 70 e 80, com hipertensão e diabetes; 69, 73 e 78, sem comorbidades. As mulheres são: 71, sem comorbidades; 85, com hipertensão. De Cristinápolis, três: criança de um mês, do sexo masculino, sem comorbidades; mulheres, de 55, com cardiopatia e hipertensão e 107, sem comorbidades; e homem, 62, com cardiopatia, hipertensão e diabetes.
De Itabaiana, dois homens: 89 anos, com diabetes e doença cardiovascular crônica, e 86, com hipertensão, diabetes, cardiopatia e doença pulmonar obstrutiva crônica. De Lagarto, mulheres, de 50 anos, com doença renal crônica, e 84, com Alzheimer. De Tobias Barreto, mulheres, de 39 anos, com insuficiência renal crônica e diabetes, e 80, sem comorbidades.
Em outros municípios: mulher, 67, de Aquidabã, com hipertensão e obesidade; mulher, 72, de Boquim, com doença renal crônica; de Cedro de São João, homem, 72, com hipertensão e obesidade, e mulher, 94, com diabetes, hipertensão e cardiopatia; homem, 52, de Indiaroba, sem comorbidades; homem, 59, de Macambira, com hipertensão e diabetes; de Monte Alegre, homem, 90, sem comorbidades; homem, 51 anos, de Nossa Senhora da Glória, sem comorbidades; homem, 82, de Santana do São Francisco, com diabetes e cardiopatia.
Foram realizados 99.159 exames e 40.446 foram negativados. Estão internados 612 pacientes, sendo 268 em leitos de UTI (166 na rede pública, sendo 164 adultas e 2 pediátricas; e 102 na rede privada, sendo 99 adultas e 3 pediátricas) e 344 em leitos clínicos (219 na rede pública e 125 na rede privada). São investigados mais oito óbitos. Ainda aguardam resultado 922 exames coletados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *