Sites governamentais em SE ainda não atendem todos os padrões de acessibilidade

Uma avaliação básica dos principais sites dos Poderes Executivo e Legislativo de Sergipe e de Aracaju aponta que eles ainda apresentam barreiras para a navegação de usuários com deficiência. Os resultados foram apresentados pelo movimento Web Para Todos, responsável pela análise, durante uma live promovida pelo projeto Aracaju Acessível, com mediação do vereador Lucas Aribé (Cidadania). O painel contou com a parceria da Beplay e Empreendex para audiodescrição, do ITC Libras e legenda automática.

Um estudo do Movimento Web para Todos e da BigDataCorp, divulgado em maio, indicou que apenas 0,74% dos sites brasileiros foram aprovados em todos os testes de acessibilidade para pessoas com deficiência. A pesquisa incluiu 14,65 milhões de sites ativos no país. Em tempos de pandemia de coronavírus, onde a informação é rapidamente atualizada nas redes, muitas dessas pessoas podem ficar sem acesso, à margem da falta de ajustes de veículos na rede.

A partir destes critérios também foram realizados testes em vários elementos das páginas web do governo de Sergipe, da Prefeitura de Aracaju, da Câmara de Aracaju e da Assembleia Legislativa. Para este estudo simplificado, foram considerados três recursos: imagens, links e formulários, que se tornam barreiras ao acesso se não aplicados corretamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *