Educação na pandemia: estudo com participação de 12 municípios sergipanos será apresentado na próxima sexta

O resultado do estudo “A Educação não pode esperar – estratégias das redes de ensino durante e pós pandemia” será apresentado por meio de Webinário no canal do Instituto Rui Barbosa (IRB) no YouTube, na próxima sexta-feira, 19, às 15h.
A ação do IRB, em parceria com o Interdisciplinaridade e Evidências no Debate Educacional (Iede), teve a adesão do Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE), que colheu dados das secretarias de Educação do Estado e de 12 municípios sergipanos.
Selecionados com base no número de matrículas e proporção dos alunos mais vulneráveis, são eles: Aracaju, Capela, Graccho Cardoso, Poço Verde, Pedra Mole, Porto da Folha, Salgado, Estância, Itabaianinha, Lagarto, Tobias Barreto e São Francisco.
“Esperamos que as informações analisadas fundamentem orientações que darão suporte à atuação de gestores e profissionais da educação”, comenta o conselheiro-presidente, Luiz Augusto Ribeiro.
Todos os envolvidos responderam a um questionário que abordou temas como a distribuição de merenda escolar, oferta de atividades remotas, mudanças em contratações e licitações e planejamento de retorno às atividades presenciais.
Segundo a conselheira Susana Azevedo, vice-presidente do TCE e membro do Comitê Técnico da Educação do IRB, a ação tem  como objetivo primordial “minimizar o prejuízo que a pandemia vai causar à rede pública de ensino”.
Os trabalhos no âmbito do TCE/SE ocorrem por meio de uma comissão da qual fazem parte integrantes das seis Coordenadorias de Controle e Inspeção (CCIs). Além da Corte sergipana , outros 25 tribunais de contas também fizeram parte da ação e reuniram dados locais que subsidiaram o estudo.
Confira a programação do lançamento:
WhatsApp Image 2020-06-16 at 14.28.11.jpeg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *